A lei 11.645/08 nas artes e na educação: perspectivas indígenas e afro-brasileiras

Autores

Sumaya Mattar
(Organizador)
Universidade de São Paulo, Escola de Comunicações e Artes
Clarissa Suzuki
(Organizador)
Universidade de São Paulo, Escola de Comunicações e Artes
Maria Pinheiro
(Organizador)
Universidade de São Paulo, Escola de Comunicações e Artes

Palavras-chave:

Artes – Estudo e ensino, Lei federal 11.645/08, Legislação escolar – Brasil, Cultura indígena – Brasil, Cultura afro-brasileira, Pensamento decolonial

Sinopse

Os textos que integram este livro aprofundam e ampliam as possibilidades de pensar e propor a pesquisa e a ação educativa em diálogo e como desdobramento da Lei 11.645/08. Nesta obra, os(as) autores(as) apresentam experiências e reflexões plurais no que se refere à abordagem das perspectivas indígenas e afro-brasileiras na educação e que vão além de narrativas e práticas discursivas dominantes em espaços acadêmicos e escolares, apresentando formatos e linguagens muito diversos, entre ensaios, poesias, relatos de práticas educativas, imagens, vídeos, entrevistas e narrativas autobiográficas. Além dos textos e imagens, a publicação apresenta referências de vídeos e sites que ampliam e aprofundam os temas e questões discutidos pelos(as) autores(as) e que podem ser acessados via QR Code - um código de barras em 2D escaneado por aparelhos celulares com câmera fotográfica. Para acessar os conteúdos digitais, é necessário baixar gratuitamente um aplicativo de leitura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

setembro 29, 2020

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)

978-65-88640-03-6

doi

10.11606/9786588640036