A grilagem de terras na formação territorial brasileira

Autores

Ariovaldo Umbelino de Oliveira
(Organizador)
Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Sinopse

A obra, escrita por muitas mãos, demonstra como a grilagem de terras está entranhada na sociedade brasileira e suas consequências para o futuro do país. É um alerta para que possamos desvendá-la ainda mais, por esses sertões que formam este Brasil. O livro aborda a questão dos Camponeses, quilombolas, indígenas e grileiros em conflitos no campo brasileiro; Cadeia Dominial: uma leitura da grilagem e da constituição da propriedade privada capitalista das terras; A metodologia da lentidão planejada, a luta pela retomada das terras griladas e o plano de um novo golpe contra a reforma agrária no Pontal do Paranapanema; Nacional por usurpação: a grilagem de terras como fundamento da formação territorial brasileira; Os processos de tomadas das terras de uso comum e de Resistências dos camponeses geraizeiros no oeste da Bahia; Ilegalidade em moto contínuo: o aporte legal para destinação de terras públicas e a grilagem na Amazônia; A grilagem judicial e o avanço da propriedade privada sobre as terras de uso comum nos gerais; e o Ordenamento territorial das margens de rodovias federais no Amazonas: 50 anos do Decreto-Lei 1.164/71.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Capa para A grilagem de terras na formação territorial brasileira

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)
978-65-87621-32-6