A cor e a forma da literatura russa na Irlanda: refrações

Autores

Munira H. Mutran
(Author)
Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Palavras-chave:

Literatura irlandesa, Literatura russa, Literatura comparada

Sinopse

O livro convida o leitor a mergulhar nos dois universos literários – o irlandês e o russo. À primeira vista, esses dois universos poderiam parecer bem distantes um do outro, mas, na verdade, como nos mostra a pesquisadora, eles se interligam, relacionam-se e comunicam-se com uma intensidade surpreendente. A autora analisa numerosos exemplos de adaptação e “domesticação” de textos literários russos na literatura irlandesa e, associando o rigor da pesquisa com fluidez e elegância de estilo, consegue criar um painel representativo amplo e multifacetado das “refrações” que acontecem no processo do diálogo dos escritores irlandeses com os russos. Talvez a palavra “refração” seja uma escolha mais poética para descrever todas as formas de intertextualidade que existem nesse diálogo, pois, declara a autora: “Minha escolha recaiu em ‘refração’ por ser definida como o desvio que sofrem os raios de luz, do calor ou do som ao passar de um meio para outro”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

agosto 19, 2021

Licença

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)

978-65-87621-54-8

doi

10.11606/9786587621548