Escrevivências da educação física cultural

Autores

Marcos Garcia Neira
(Organizador)
Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação

Sinopse

Escrevivência é uma criação de Conceição Evaristo, escritora, professora e participante ativa dos movimentos feministas e de valorização da cultura negra. A escrevivência funde os gêneros do romance e da escrita de si, sem esconder fragmentos biográficos que se espalham nas passagens e salpicam os personagens. Nesse emaranhado é possível ver o mundo pela ótica dos sujeitos anônimos que habitam o tecido social. A escrevivência é um modo de falar, ser ouvido, redigir outra história, outra versão, outra epistemologia, que valoriza o sujeito comum do dia a dia, sobre o qual não se fala porque a ninguém interessa. Seguindo a mesma toada do primeiro volume, o segundo traz a público relatos de experiências de professoras e professores que afirmam colocar em ação a perspectiva cultural da Educação Física, também chamada currículo cultural, Educação Física culturalmente orientada ou, simplesmente, Educação Física cultural. Relatos de experiência dos próprios autores e autoras do livro podem ser tomados como escrevivências, uma vez que manifestam impressões do fazer pedagógico.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Capa para Escrevivências da educação física cultural

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)
978-65-87047-24-9