Culturas alimentares na América Latina

Autores

Júlio César Suzuki
(Organizador)
Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Gilvan C. C. de Araújo
(Organizador)
Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Fabio Molinari Bitelli
(Organizador)
Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Palavras-chave:

Alimetos (aspectos culturais) - América Latina, Cultura - América Latina

Sinopse

Culturas Alimentares na América Latina foi idealizado a partir da convicção de que o cultural e o alimento possuem laços indissociáveis, passíveis de perscrutação teórica, analítica e, principalmente, de apresentação de sua riqueza como experiência e traço das particularidades alimentares das diferentes culturas latino-americanas. As culturas alimentares fazem parte dos povos, sociedades, comunidades tradicionais, centros urbanos e traços de práticas e saberes presentes nas ruralidades. É também por meio das culturas alimentares que toda uma miríade de aspectos produtivos, de circulação e de consumo, é formada em singularizações espaço-temporais ao redor do mundo, marcando características específicas dos diferentes modos de existência, em que podemos encontrar representações e, mais que isso, significações identitárias cuja escala ultrapassa o indivíduo e alcança países inteiros. Os debates presentes nesta coletânea são sementes para múltiplas e inúmeras incursões para infinitas inquietações relativas às culturas alimentares. De traço indelével das sociedades à representação dos modos de existência de diferentes grupos sociais, o alimento contém profundas possibilidades de reflexão, pesquisa e protagonismo temático em recortes de análises sintéticas ou dialéticas espacial ou temporalmente delimitadas. É a partir de tal premissa que convidamos os leitores a conhecerem os esforços teóricos, metodológicos, analíticos e experimentais aqui apresentados sobre as culturas alimentares, fortalecendo-as em sua visibilidade como práticas e saberes produzidos em sua hibridez sociocultural contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

outubro 20, 2021

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)

978-65-87621-68-5

doi

10.11606/9786587621685