O trauma cultural: ressonâncias literárias irlandesas

Autores

Laura P. Z. Izarra
(Author)
Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Palavras-chave:

Literatura irlandesa, História da Irlanda, Diáspora

Sinopse

A obra decorre de uma notável trajetória acadêmica, na Universidade de São Paulo, iniciada há mais de três décadas com o Mestrado, seguido pelo Doutorado e pela Livre-Docência, alcançando o Concurso para a Titularidade no início de 2018. O título do estudo sinaliza para um dos mais relevantes campos de pesquisa de Laura Izarra no caminho percorrido – a diáspora literária irlandesa. Em sua abordagem de representação do trauma cultural na literatura, Izarra propõe diversos conceitos sobre o assunto, a partir de 1990, quando os estudos do trauma se fazem mais presentes; sua minuciosa exposição de como os críticos literários e sociólogos o definiram contém possibilidades de pesquisas posteriores. Uma das questões mais instigantes do texto relaciona-se com os elos estabelecidos entre a opressão colonial e a experiência de traumas coletivos, suas manifestações e consequências como "rupturas do tecido social e as transformações da identidade" (citação no Prefácio de Munira Mutran).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

novembro 8, 2021

Licença

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)

978-65-87621-61-6

doi

10.11606/9786587621616